Operação Luz na Infância 4
28/03/2019 15:38 em Novo Horizonte

Ministério da Justiça e Segurança Pública coordena operação nacional contra abuso e exploração sexual infantojuvenil praticados na internet

Força-tarefa envolve Polícia Civil de todos os Estados e do Distrito Federal

 

A Polícia Civil de Novo Horizonte-SP, participou nesta quinta-feira (28), da Operação Luz na Infância 4, que cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão em vários alvos no Estado. A força-tarefa coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MSP) envolve Polícias Civis do Distrito Federal e de 26 Estados.

Desde as primeiras horas da manhã, as equipes procuravam acusados de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet.

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas do MJSP, com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva. Esse conhecimento produzido foi repassado às Polícias Civis, em especial às delegacias de proteção à criança e ao adolescente, e de repressão a crimes informáticos que, por sua vez, instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais para expedição dos mandados de busca e apreensão.

As ações simultâneas mobilizaram um efetivo de mais de 1500 policiais em todo o país. A ação desencadeada é decorrente de cooperação mútua entre a Diretoria de Inteligência e a Diretoria de Operações, ambas vinculadas à Secretaria de Operações Integradas do MJSP. Houve também colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Adidância da Polícia de Imigração e Alfândega em Brasília (US Immigration and Customs Enforcement-ICE), oferecendo cursos e capacitações que subsidiaram as quatro fases da Operação Luz na Infância.  

Em Novo Horizonte, os Policiais Civis, inclusive da Delegacia Seccional, na ocasião chefiada pelo delegado Dr Luiz Fernando Calmon Ribeiro, acompanhado pelo Seccional Dr Marcos Cornacchia, prenderam um homem de 36 anos de idade. Na residência do acusado, foram localizados diversos HDs, dentre outros materiais contendo imagens e fotos de menores. Todo material apreendido, será encaminhado à perícia.

O homem foi conduzido ao Plantão da Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante. Foi-lhe arbitrada fiança, a qual foi paga, sendo o homem liberado, onde agora responderá em liberdade

Da Redação/Amizade FM

Fonte: Seccional NH

Foto: PCNH

COMENTÁRIOS